Preconceitos Literários

escrito por - terça-feira, junho 28, 2016



Oi meus amados leitores, mais uma vez decidi vim aqui e polemizar um pouco com vocês, da ultima vez recebi boas criticas sobre o meu ponto de vista das coisas então decidi sempre vim aqui e falar um pouco minha opinião das coisas com vocês. 

Se quiserem deixar dicas serão todas muito bem vindas é muito bem acolhidas.


Espero que o tema de hoje seja interessante para vocês, pois para mim e de extremo interesse. Bom eu irei focar em um preconceito que me incomoda muito pois eu sofro muito com ele, espero que entendam e quem sabe assim quebre um pouco esse preconceito que possa ter enraizado em você.

Para quem acompanha o blog, sabe o quanto gosto de romance, seja histórico, contemporâneo, ou o meu favorito erótico, e olha gente sem brincadeira não sabe o quanto eu sou desrespeitada por isso.

O fato é que as pessoas tem que para de ser um bando de idiota e querer sair por ai julgando e insultando, não nota que com isso, reprime a pessoa, ofende os seus sentimentos, e fazem com que ela possa até se sentir uma nojenta (não é exagero, tenho amigas que já falaram que se sentiram assim por amigos que tiraram sarro delas por isso). 


Vamos deixar de ser hipócritas e dizer que isso e nojento, você acha que veio de onde? Não to falando que tem que amar, que tem que admirar o livro o gênero. Não, realmente cada um tem seu gosto sua preferencia, mas o RESPEITO é bom eu eu agradeço MUITO. Afinal você ia gostar de ser zoado ou criticado por gostar de ficção? Ou terror? Ou seja o que for que leia? Acho que não.

Comecei a sentir esse preconceito quando assumi que lia 50 Tons de cinza a muito anos, nossa recebi muitas ofensas: "a você gosta de apanha quando faz sexo", " nossa que safadinha você heim?" A gente na boa, eu me irrito logo, saia xingando todo mundo, cade o respeito com a minha pessoa? Cade o respeito pela obra? Porque sim, e uma obra e merece seu respeito. Deixa eu te falar um segredinho: ELE E UM BEST SELLERS.

Te garanto que não é todo livro que consegue essa proeza, porém, seja esse livro ou qualquer outro é digno de educação e respeito.

Vou contar outro segredo para vocês, essa mesma mulher que está aqui escrevendo para vocês e pedindo educação, e que lê eróticos, também ama Jane Austen, lê distopias, suspense, contos, então eu só tenho uma preferencia maior por eróticos, é sinceramente não será sua opinião que vai mudar algo na minha vida, na verdade sou eu que leio então eu que tenho que gostar. Só gostaria mesmo e do respeito.


Olha gente, me desculpe se fui grossa ou se ofendi alguém, mas garanto que já fui muito ofendida pelos tipos de livros que leio, e isso chega uma hora que irrita e precisamos encontra um meio de dar um basta, e esse foi o meu meio. Espero que tenham entendido o que tanto quis dizer, respeito gente, não e uma coisa dificil, e o principio da educação.

Pare e pense antes de querer fazer piadinha, pois o outro pode não gostar da sua piada e ficar ofendido. Bom e isso, espero que tenham gostado, se você gosta de ler o mesmo gênero que eu, vem cá deixa eu te abraça, você não está sozinha nesse mundo.

Se não gosta, respeita ta miga, respeita porque se um dia for alguém e te alfineta não se esqueça: "chumbo trocado NÃO dói." .

Por hoje é só, até a próxima.
Beijinhos.


Você vai gostar de ler...

19 comentários

  1. Oi, como vai?

    Bem, eu não gosto do gênero erótico, pois, infelizmente tem muita gente confundindo erótico com pornografia. Já li vários livros com uma pitada erótica e acho até bom para apimentar a narrativa, mas, pegar pesado como vem ocorrendo em muitos textos, não gosto, contudo, jamais julgo alguém por gostar de ler esse tipo de texto, afinal, uns gostam de horror, outros de romances melosos e assim vai. A única coisa que não concordo é descreverem (Pornografia) como literatura, essa minha opinião, não precisa e nem tem que ser a mesma sua ou de outras pessoas. Você está certa de exigir respeito, porque o fato de eu não gostar, não me dar o direito de julgar sua preferência. Eu li a trilogia 50 tons de cinza, e não gostei, porque o que tinha tudo para se tornar algo picante, se tornou vulgar. Volto a repetir, não gosto do gênero, mas, para aqueles que curtem, com toda certeza um bom livro. Como gosto de escrever, leio de tudo, certamente que tenho minhas preferências, assim como você, e, as pessoas precisam aprender a respeitar o espaço do outro. Quanto ao livro ter se tornado um best-seller, isso ocorreu porque tudo relacionado ao sexo sempre foi um bom negócio, e sabemos disso. Gostei do seu post e desabafo.

    http://www.cristinadeutsch.org/
    Saudações literárias.
    Beijos no ♥

    ResponderExcluir
  2. Oiii amiga, como vai?
    Que belo desabafo mesmo, acho injusto alguém julgar ou ofender alguém pelo gosto literário, se a pessoa não gosta é só falar que não se interessou, aliás nenhum livro define a pessoa que somos. Já sofri bastante com isso, mas por amar livros filosóficos, o jeito é ignorar amiga.
    Amei a postagem.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Kah!
    Infelizmente não é só com literatura ou apenas com livros eróticos. As coisas são complicadas em todos os quesitos. Eu sou massacrada porque não gosto de romances. É muito, muito difícil eu pegar um romance, especialmente esses clichês melosos, e gostar da leitura. Eu não sou assim, não gosto disso. Gosto de ficção, de terror, biografias (acho que sou única, né), e de eróticos quando sabem dosar o erotismo (tem mito livro pornográfico que se diz erótico). Não vou falar especificamente de 50 tons pq ainda não o li, por pura falta de interesse mesmo (mas está lá na minha estante aguardando). No entanto, seja qual for o livro, qual for o gênero, respeito é essencial. E isso é item raro atualmente.... Agora, respira, pois pra cada babaca literário tem um livro lindo te esperando! bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Migaa, tive que vir aqui desabafar contigo, eu também gosto de biografias e me zoam por isso. Tamo junto.

      Excluir
  4. Olá, bem seu post é bem pertinente, realmente muitas pessoas dizem amar ler, mas sempre vem com preconceito de uma coisa que nunca leu, eu leio de tudo sério, e descobri muitas histórias boas e outras nem tanto, mas faz parte ler é viajar, portanto conhecer novos gêneros sempre é interessante. Eu leio livros hot e eróticos e gosto, mas infelizmente existem autores que apelam demais, e fico totalmente desconfortável de ler e ponto. Acho que para tudo devemos ter a noção do fictício e o real. Bjs

    ResponderExcluir
  5. bem, claro que faltar o respeito com o leitor é realmente desnecessário, mas preciso discordar de você sobre 50 tons. Não é porque ele é um best-seller que é sinônimo de ser uma obra de qualidade. Ele é bem machista, misógino e eu perdi meu tempo lendo aquilo. Claro que todos tem o direito de gostar do gênero que melhor lhes agrada, mas quando alguém xinga os livros que eu amo, não dou a mínima. O leitor tá xingando a obra, e não a mim [mesmo eu gostando dela]. Se partir pro lado pessoal, ok. acho válido ser grosso e retrucar. mas não levo pro lado pessoal o fato de alguém não curtir as mesmas leituras que eu... enfim...

    ResponderExcluir
  6. Oioi! Tudo bem?
    Afff, acho que qualquer tipo de preconceito é pessimo.
    No meio literario o que mais tem é isso. Eu gosto de romance erotico e nao ligo para os que os outros falam, leio e pronto e pra mim é literatura.
    O importante é respeitar e cada um na sua, sem ofensas ou virar a cara.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  7. Oie Kah, tudo bem? Infelizmente esse preconceito literário acontece com todos os gêneros, eu mesma já sofri preconceito várias vezes porque leio muito fantasia e livros que estão/estiveram na hype. O negócio é que a gente tem que ler o que se sente a vontade, parei de me importar com o que as pessoas pensam do que eu leio ou não.

    ResponderExcluir
  8. Então... Está errado, sim, fazer troça das pessoas que leem gênero erótico. Tem de haver o respeito? Claro que sim. Mas críticas podem ser feitas. O que percebo é que as pessoas não sabem criticar, até porque para criticar algo é necessário conhecer a coisa, né. Por exemplo, quando li Cinquenta Tons de Cinza o fiz para conhecer a obra e falar mal com propriedade. Não apenas porque "nossa, é erótico, deve ser ridículo e mal escrito", mas sim com base numa leitura feita e após ler outros livros do gênero para ter meios de comparação.

    Complicado isso. :x

    ResponderExcluir
  9. Preconceito literário tem a rodo por ai independente do tema. Acho que a gente tem que ler o que gosta, afinal, é você quem está passando horas com a história. Críticas são válidas e acho super bacana quando a gente cresce como leitor quando passa a ler outros gêneros e saber diferenciar um livro bem escrito de outro, mas geralmente as críticas vem recheadas de preconceitos e grosseria, o que não é legal. Continue curtindo seus livros e tente não se importar com o que as pessoas pensam. Todos os livros existem porque tem mais gente que gosta, então você não está sozinha nas leituras :)

    Bjs, Cass | www.livroseoutrascoisas.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá,

    Gostei muito desse post, realmente tenho visto um grande preconceito literário até mesmo na minha faculdade, quando algumas pessoas olham para um livro de romance ou terror em minhas mãos, sempre vira motivo de risos e críticas. É triste saber que a literatura não tem sido tão apreciada e que o resto pelos gêneros literários que escolhemos não é respeitado. Ainda assim continuarei lendo tudo que amo, independente do que as pessoas acham ou não. E gosto muito do gênero erótico, desde da minha primeira experiência com 50 tons de Cinza não parei mais de ler livros do gênero.

    Abraços
    oblogcaentrenos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oieee, preconceito literário não é bacana mesmo, mas sabe que aprendi a deixar pra lá quando falo que gosto de tal gênero e me zoam? Mas se a crítica for direta pra mim e não pra obra, aí me estresso com certeza. Quanto a livros eróticos eu leio, mas se tiver na rua cubro a capa pois sei que quem não lê não entenderá aquilo e vai pensar merda de mim,hahahahaha, morro de vergonha, fazer o que.

    bjs

    ResponderExcluir
  12. "O fato é que as pessoas tem que para de ser um bando de idiota e querer sair por ai julgando e insultando" super concordo e apoio, não só para o mundo literário mas o mundo em geral. Acho que não é só porque os gostos de alguém sejam diferentes devemos reprimir tal pessoa. Sério, acho isto falta do que fazer, querer ficar perturbando o coleguinha em vez de olhar para o próprio umbigo.
    Beijos, Lari (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  13. Olá, concordo com você e também acho que deveríamos ter mais respeito pelo gostos dos outros, sendo literários ou não, e esse preconceito não acontece só com quem lê romances eróticos com outros gêneros e também até com a nossa literatura nacional =/

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  14. oi ^^
    concordo com você que realmente deveria ter mais respeito no mundo literário, mas só porque um livro é um bes seller não quer dizer que seja bom pra todo mundo XD mas enfim, não é essa a questão aqui.
    eu nunca me importei com o que as pessoas falam sobre o que eu leio, mas tem alguns livros que realmente não acrescentam em nada para alguns e para outros sim, e xingar uma pessoa pq ela está lendo determinado livro não torna os outros melhores.
    enfim, seria melhor se todo mundo cuidasse da sua vida ao invés de se meter na leitura dos outros. Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  15. Oi!!
    O preconceito existe mesmo e acho que as pessoas tem que ter mais senso né, respeito quem gosta de ler gêneros que não me atraem e espero ser respeitada por ler o que gosto.
    Os romances principalmente os eróticos muitas vezes se tornam motivo de chacota entre algumas pessoas, outras arregalam os olhos quando digo que leio e adoro eróticos, nossa tem gente que só falta sair correndo de perto.
    Adorei o desabafo e temos mesmo que pedir respeito e deixar bem claro que não vamos parar de ler algo que o coleguinha não gosta.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  16. Olá...adorei o post! Acredito que devemos respeitar o gosto literário dos outros assim como gostamos o que respeitem o nosso. Eu não curto muito livros hot, mas não saiu falando mal, mesmo porque se eu não leio como posso reclamar da qualidade do livro?

    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Acho que independente do genero literário, na verdade independente do assunto, SEMPRE é necessário respeito. Além disso, provavelmente algumas dessas pessoas leem sim romances eróticos, mas não assumem por vergonha e acabam descontando nos outros

    ResponderExcluir
  18. Oi Kah, sua linda, tudo bem?
    Sabe, estava lendo você dizer os comentários que fizeram quando disse que lia 50 tons e lembrei que faz algum tempo surgiram aquelas capas de tecido fofas para livros. E acabo de pensar, que talvez, não sei se foi esse o motivo, elas tenham sido feitas para esconder a capa do livro. Se isso se confirmar, fico triste, pois nos dá o tamanho da situação. Eu não entendo porque as pessoas fazem isso. Está faltando respeito mesmo, mais amor nas pessoas. Sinto muito que tenha passado por isso. Gosto muito de colunas de discussão.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir