October of Horror #6- Conto - See You Later

escrito por - sexta-feira, outubro 28, 2016




Eu infelizmente sou filho único, queria muito ter irmãos desde que era pequeno mas meus pais não conseguiram me dar essa alegria, não os culpo, mas a vida sozinho é bem solitária, porém tenho vários primos e me divirto com eles, mas a noite que irei lhes contar agora não foi o que podemos chamar de divertida. 

Meus tios eram bem ricos e tinham vários jantares e reuniões de negócios, o que os levavam a não ter muito tempo para seu filho de 8 anos e o deixar a maior parte do tempo com uma babá. Ela era amorosa e bastante cuidadosa com meu primo, mas em uma dia crucial para os meus tios ela ficou doente e não pôde ir cuidar do filho deles e como eu não tinha nada para fazer naquela noite eu me ofereci para cuidar do garoto, nada demais, passaríamos a noite conversando e jogando vídeo-game depois ele iria dormir.

E assim aconteceu, meus tios saíram e deixam o número de emergência e uma geladeira bem abastecida para nós dois, passamos a noite toda comedo besteira e jogando vídeo-game e jogos de tabuleiros dos mais variados. A diversão estava garantida, mas toda criança uma hora se cansa, então mais ou menos as 2:30 da manhã eu o coloquei para dormir em seu quarto e continuei assistindo a televisão. 

A casa estava escura e silenciosa, a única luz era a que emanava da televisão, passava um programa qualquer de plateia que eu nem ao menos estava prestando atenção direito, eu também iria cair no sono a qualquer minuto e me vi acordado não sei quanto tempo depois com um barulho de mensagem no meu celular.

Abri meus olhos devagar, pois a TV ainda estava ligada e a luz dela era bem forte, abri a mensagem e era do número do meu primo que estava dormindo, estranho, se ele quisesse falar comigo porque apenas não veio na sala? A mensagem dizia "Leo, poderia vir no meu quarto? Estou com medo", me levantei e fui para o quarto do garoto, abri a porta e ele estava lá na cama com a lanterna do celular iluminando seu rosto e o medo estava estampado em seus olhos. 

Sentei ao seu lado na cama e perguntei o que havia acontecido, vi seus olhos com lágrimas e ele disse "Tem alguém embaixo da minha cama", me assustei com aquilo, pois sou um pouco medroso, o cabelo do meu braço se arrepiou e eu tentei passar toda a confiança que eu tinha para ele "Não tem ninguém embaixo da sua cama, que medroso ein".

Naquele momento eu vi os olhos do meu primo se enxerem de lágrimas novamente e ele apertou meu braço e repetiu: "Tem alguém embaixo da minha cama", aquilo só estava me deixando mais tenso a cada minuto pois ele não parecia estar brincando de maneira alguma. Então apenas resolvi ir ver embaixo da cama dele e provar que ali não havia nada, tirei sua mão pequena do meu braço e abaixei e olhei, o que eu vi ali me deixou totalmente transtornado, o meu primo estava ali novamente embaixo da cama, olhou para mim e disse: "Leo, tem alguém em cima da minha cama".

Fiquei parado, não sabia como reagir, não queria olhar em cima da cama novamente mas eu tinha que fazer isso, subi devagar e não tinha ninguém em cima da cama.

Puxei meu primo de baixo da cama e corri com ele para fora do quarto, coloquei no meu velho carro e fomos para minha casa, foi dificil explicar para os meus pais porque eu estava em casa aquela hora mas apenas disse que meu primo estava com medo. 

Coloquei ele para dormir novamente no meu quarto e dormi ao seu lado, de manhã ainda estava com aquilo na cabeça e como não poderia estar, mas meu primo agia como se nada de estranho houvesse acontecido, então apenas perguntei.

- E ai, não quer falar sobre o que houve ontem?
- O que houve ontem Leo ?

Achei estranho a pergunta dele, ele não poderia simplesmente ter esquecido, mas ele fazia uma cara de quem realmente não sabia do que eu estava falando, então apenas contei metade da história.

- Você me mandou uma mensagem ontem a noite do seu celular e quando eu cheguei no quarto você estava embaixo da cama, porque estava lá?
- Eu não estava embaixo da cama, eu dormi enquanto jogava no celular

Resolvi não insistir, ele parecia totalmente convencido daquilo, mas eu tinha certeza do que tinha visto eu não era louco, deixei ele terminando o café da manhã e fui na única prova que eu tinha, na mensagem que eu havia recebido, mas para minha surpresa a mensagem ainda estava lá mas não estava escrito a mesma coisa de ontem a noite, agora na mensagem tinha escrito "Até a próxima, Leo".

Você vai gostar de ler...

27 comentários

  1. AMEI O CONTO! e amei o blog também, parabéns e sucesso! Um beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi!!
    Eu gosto de livros, filmes e contos de terror/suspense, mas confesso que tenho medo e o conto deu um medinho rsrs. Nossa lembrei quando era criança e meu primo ia me visitar, adorávamos assistir TV e ficar brincando até tarde.
    Amei o conto, você escreve muito bem.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Não sou fã do gênero mas até que gostei do conto, confesso que achei o um pouco fraco mas não ruim, é interessante de ler.

    ResponderExcluir
  4. Caraca! Que doido!
    Será que Leo foi vítima de algo de outro mundo ou o primo realmente não se lembrava de nada!
    Amei o conto! Dos melhores rs
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Gente! Terror + Conto??
    Seria o meu sonho?!
    ADOREEEI!!!
    Parabéns pelo conto! Maravilhoso!!

    #Ana

    LiteraKaos!

    ResponderExcluir
  6. Eita, o que foi isso???? Que sinistro! Teremos uma continuação?
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Muito legal teu blog e gostei bastante do conto, não foi só o Leo que ficou confuso, eu também fiquei rsrs....intrigante!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Nossa, que texto sinistro hahaha
    Me arrepiei inteira! =O
    kkkk

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Ola
    Adoro essa história do 'tem alguem alguém embaixo da minha cama' é assustadora né? Gostei do desfecho da história, ficou muito bom

    ResponderExcluir
  10. Caraca, eu fiquei com medo kkkk' Me arrepiei aqui... Adorei a história, parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  11. Oi, que conto e tanto hein, deu um medinho aqui,kkkkkkkk
    Achei bem estruturada o conto e bem escrita e bem assustadora também.
    bjus

    ResponderExcluir
  12. Amei o Conto, e seu blog é lindo, parabéns !!!
    Vou continuar acompanhando !!!
    muito sucesso, bjo

    http://blogaventuraliteraria.blogspot.com.br/.

    ResponderExcluir
  13. Olá!!
    Menina, não sou uma pessoa que gosta desse tipo de texto, por ser meio medrosa. Confesso que quando li que era um conto de terror, fiquei com um medinho do que iria encontrar.
    Gostei da sua escrita, parabéns, de verdade!!

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  14. Oi, Gabis!

    Adorei o conto, sou apaixonada nesse tipo de enredo. O desfecho também ficou muito bom, amei!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. OI, Gabis
    Adorei o conto, ainda mais por sempre ter tido medo de ter alguém debaixo da cama haha
    Achei bem criativo e sinistro rs

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  16. Oi Gabis amei o conto. Quando comecei a ler precia até que estava ouvindo uma históri real!kkkkk Cara eu sou muito cagona para essas coisas e ainda tenho medo de escuro! Afffsss Deus me livre alguém me falar que tem alguém debaixo da minha cama!kkkkkkkkk
    Bjão

    ResponderExcluir
  17. Gabi, tudo bem?

    Que história mais tensa! senti um medinho aqui, precisei olhar pros lados pra ver se tava tudo ok. Arrasou!

    Beijo

    leitoras Inquietas

    ResponderExcluir
  18. Amei o conto! Amei a musiquinha de fundo, amei o blog, amei tudo! Parabéns pelo cuidado com ele ♥
    um beijo ♥

    https://leiturize-se.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Você que escreveu????? FICOU MUITO BOM.
    Eu não desgrudei os olhos até chegar na parte Até a próxima Leo e CARAMBA o que acontece depois?? Tem continuação, diz que sim.
    Amei amei amei, muito envolvente e deu medinho hahaha

    ResponderExcluir
  20. Confesso que li o conto correndo? Confesso haha mas isso não tem nada haver de estar mal escrito, aliás está excelente, mas as fato de se tratar de terror, horror e suspense. Não foi do gênero, porém adorei <3
    Quero mais! Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Ai cara... isso não se faz com gente medrosa hahahaha. Pulei umas partes, não vou mentir, nervoso demais, credo! rsrs Maasss, me pareceu bem escrito, parabéns.

    ResponderExcluir
  22. Minha nossa, não se faz uma coisa dessas rs. Não leio terror/suspense porque sou muito medrosa. Seu conto me deixou com um certo medinho.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  23. Oi Gabis, sua linda, tudo bem?
    Eu não costumo ler ouvindo música, mas como era de terror, apertei o play e pronto lá vamos nós. OMG!!!! Me diz quem é que estava naquele quarto e como o garotinho conseguiu ir para debaixo da cama tão rápido. Como ele não lembra de nada? E quem estava passando a mensagem? Quer saber, em se tratando de terror, é melhor não saber a resposta, risos.... Agora não vale, você usou o medo que eu sempre tive quando criança depois de ver um filme de palhaço, o de olhar para debaixo da cama. Muito legal o conto, ficou ótimo!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Eu não gosto de contos...
    Eu sou a maior das medrosas, daquelas que um simples suspense policial já me faz dormir com a luz acesa por dias. É sério, meu irmão me zoa toda hora por causa disso.
    Aí chego aqui e tem esse conto com essa imagem????
    Desculpa, mas não deu coragem de ler. O medo falou mais algo e eu pulei a postagem... E mesmo que me falar que não é tão terror assim, não sei se acharei a coragem para arriscar ler o conto.
    Um próximo, de outro estilo juro que leio!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  25. Essa foto dá arrepios, hein! Não queria estar no lugar do Leo. Quando criança eu sempre tinha a impressão de que havia alguém embaixo da cama, mas acho que muitas crianças sentem isso. Adorei o post!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  26. Menina,que talento é esse.Adorei seu conto, por favor se inscreva em alguma antologia <3 Ia ser ótimo pra você começar a fazer sua história.

    ResponderExcluir
  27. Só a foto daria arrepios em qualquer um, imagine todo esse enredo e os sustos causados? Belo, belo conto.

    ResponderExcluir