Resenha: Reiniciados #1

escrito por - sexta-feira, setembro 30, 2016


Título: Reiniciados #1
Autor(a): Teri Terry
Editora:Farol Literário
Páginas: 432
Gênero: Ficção
Ano de Lançamento: 2013
Nota: 3,5/5
Sinopse: As lembranças de Kyla foram apagadas, sua personalidade foi varrida e suas memórias estão perdidas para sempre. Ela foi reiniciada. Kyla pode ter sido uma criminosa e está ganhando uma segunda chance, só que agora ela terá que obedecer as regras. Mas ecos do passado sussurram em sua mente. Alguém está mentindo para ela, e nada é o que parece ser. Em quem Kyla poderá confiar em sua busca pela verdade?




Resenha; Olá pessoal, lá vem a louca da distopia de novo com mais uma para vocês, estou lendo muitas no momento, vou até começar novamente a sortear minhas próximas leituras pois estou ficando perdida em mundos distópicos. A dessa vez é uma que envolve bastante política,então se você gosta desse tema irá adorar esse livro, vamos lá falar sobre ele.

Nesse livro estamos mais ou menos nos anos 2040 pelas minhas contas loucas que fiz ligando a idade de alguns personagens e nele o mundo continua parcialmente parecido com o que vivemos hoje, tirando alguns detalhes como o fato de que se você cometer algum crime com menos de 16 anos você não vai preso ou qualquer coisa do tipo, você ganha uma segunda chance.Dai vocês me perguntam, como eu ganho uma segunda chance? você passa por uma cirurgia no seu cérebro e toda a sua memória é apagada, desde a memória básica de como andar , comer e se comportar em sociedade, após isso você passa um tempo num hospital reaprendendo isso e depois é mandando para uma nova família.
Os tijolos estão à minha volta. Acima também, até onde posso ver. Arranho a argamassa. Está começando a desmoronar. Pouco a pouco. Não vai demorar... logo estarei livre.
A reiniciada da vez é Kyla, pelo menos é esse o nome que o hospital diz que ela tem, Kyla tem 16 anos e está nos seus últimos dias no hospital, já irá para o lugar que agora irá ter que chamar de casa, ao sair ela tem que assinar um contrato que diz que ela tem que fazer tudo que o governo mandar senão ela será devolvida e para controlar isso, colocam nos reiniciados um nivo em seus pulsos, que controlam suas emoções e se esse nivo se descontrolar demais ao reiniciado quebrar uma regra ou tentar tira-lo, ele tem convulsões e morre.






















Kyla tenta de tudo para ser uma garota normal reiniciada, mas o que não a deixa continuar com isso é o fato de ela ter pesadelos frequentemente, que não parecem ser só sonhos, e sim lembranças de sua vida antes da cirurgia e pelo que parece, de algum modo ela era envolvida com os terroristas que hoje lutam contra o governo para acabar com o sistema de cirurgia de reiniciados mas ninguém pode saber que ela consegue lembrar do seu passado pois coisas ruins acontece com quem não segue as regras nessa nova sociedade e quando ela vê colegas e professores começarem a sumir por coisas bobas ela vê o quanto aquilo é real.

Então, o livro é muito bom, os personagens são legais, principalmente a mãe adotiva da Kyla, ela no começo se mostra bem grossa mas era somente uma armadura que ela criou por ter sofrido no passado, depois descobrimos que ela é puro amor e nos apaixonamos por ela. A Kyla é um personagem principal muito sensata, direta e que pensa muito antes de fazer qualquer coisa, mas infelizmente ela tem o defeito de deixar as emoções transparecerem demais, e isso não é bom num lugar que você precisa viver de mentiras para sobreviver.



O que mais gosto em distopia é a ação, então por isso não dei uma nota mais alta para esse livro, ele parece ser mais uma introdução desse mundo e de tudo que aconteceu com a Kyla, não tem nenhuma luta, batalha, guerra, bombardeio, que são as coisas que eu adoro e já estou acostumada em distopias, na verdade tem uma, mas é bem rapidinha,haha. O livro foi bem lento para mim nas primeiras 150 páginas, pois só mostrava o dia a dia de Kyla na escola, em casa e no grupo de apoio, ela não se questionava de nada, do porque está ali, do porque daqueles pesadelos, mas quando começou a se perguntar a jiripoca piou e tudo começou a acontecer rapidamente e eu comecei a adorar o livro.

Nele também temos o romance de Kyla com o Ben, que também é um reiniciado e é nele que o livro termina focando ,no que aconteceu com ele e o que Kyla fará para conseguir encontra-lo, agora porque ela precisa encontra-lo não posso contar senão é spoiler né? Eu achei o romance dos dois bem construído, começou com uma amizade e fui crescendo para algo mais, confesso que ela era muito necessitada do Ben e isso me agoniava um pouco, mas nada que atrapalhasse o fato deu achar o romance dos dois fofos,quero muito ler a continuação para saber o que aconteceu com o Ben e espero que no próximo tenha muito mais ação, beijos e até a próxima resenha.






Você vai gostar de ler...

28 comentários

  1. Ola
    Até que eu gosto de distopias, mas ando meio cansada de livros adolescentes. E ainda mais é uma série, e está dificil para mim acompanhar séries, só de ler que o livro parace uma introdução já fiquei bem desanimada =/

    ResponderExcluir
  2. OI Gabi tudo bem? O livro parece ser muito interessante, mas eu não curto muito distopias. De qualquer forma é uma ótima dica para os leitores do gênero ;).
    http://www.facesemlivros.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Gabis!

    Assim como você, curto muito distopias e a ação que a maioria deles possui. Por mais que esse livro não tenha isso, eu fiquei super curiosa em relação à ele. Pesquisarei mais a respeito!

    Beijos,
    Escritora por um Acaso

    ResponderExcluir
  4. Oi Gabis! Tudo bem?
    Não conhecia o livro e fiquei interessada, sua resenha ficou bem convincente. Por se tratar de uma trilogia, esse ano não lerei. Até o fim do ano só livros únicos, para poder dar conta da demanda e ano que vem séries! rsrs
    Dica anotada e parabéns pela resenha!
    Bj

    ResponderExcluir
  5. Li Reiniciados assim que lançou, achei o livro muito bom a Kyla é uma personagem bem trabalhada, mas distopias não são meu forte então acabei nem lendo os demais.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  6. Já fui a louca da distopia também e sei como é kkkk Eu vi sobre Reiniciados há muito tempo, mas acabei perdendo o interesse. Com sua resenha agora me deu vontade de novo de ler. Acho que vou atrás kkk


    www.cantaremverso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi gabis, espero mesmo que esta lentidão seja por conta de uma introdução, pois estou querendo ler a trilogia, mas ainda não comecei, tenho apenas este volume.

    ResponderExcluir
  8. As capas são lindas ♥
    Gosto mt de distopias e já havia dado uma olhada nessa série sem muitas pretensões. Não sei se leria, normalmente prefiro distopias sem romances e saber que tem uma certa lentidão me desanima tbm... não sei se leria.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  9. Não sou fã de distopias, apesar de ficar curiosa depois de ler a resenha. Principalmente, sabendo que tem um romance entre a protagonista e o Ben. A trama que envolve a série parece interessante.
    Bjos,
    http://contosdacabana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Hey Gabi, tudo bem? Primeira vez que estou aqui no blog e adorei, achei super fofo. Gostei da resenha mas estou com ressaca literária de distopias e de séries, ainda mais vendo que é um pouco lento... Vou passar o livro haha

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Já tinha visto o livro por ai, mas nunca tinha parado para prestar atenção sobre o que se tratava.
    A premissa é bem interessante e adorei a segunda chance que é dada aos jovens que cometem crimes. Fiquei bastante curiosa para saber mais sobre esses pesadelos do passado de Kyla e seu romance com um reiniciado também.
    Achei as capas maravilhosas.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oier
    já li a trilogia e de todos o melhor foi o primeiro livro, ao longo dos outros fui perdendo o interesse mas mesmo assim, é uma trilogia que vale a pena pelo tema abordado, muito legal sua resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá,

    Gostei bastante da premissa desse livro e até tenho o ebook aqui aguardando para ser lido, após sua resenha fiquei bem animada e espero em breve dar uma chance.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  14. Amo distopias e adorei esse livro quando li! Não achei o início mais lento não, me envolvi muito desde o começo, mas realmente tem bem menos ação que a maior parte das distopias. Estou louca pra ler o resto da série!

    ResponderExcluir
  15. 'luta, batalha, guerra, bombardeio' ri com esse trecho. O enredo parece bom, ainda não li a obra e fico receosa por ser uma trilogia, estou fugindo de livros com continuação, mesmo assim, vou deixar em minha lista de desejos.

    ResponderExcluir
  16. Olá, Gabis! Concordo com você sobre a necessidade de cenas de ação. Mesmo assim, parece um bom livro. Eu queria muito me apaixonar por uma Distopia, mas ainda não aconteceu. Sempre acho interessante, mas acabo preferindo outros gêneros.
    Parabéns pela resenha.

    Bjs,
    Yohana Sanfer
    http://www.papelpalavracoracao.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi,
    Ahh também amo distopias e que ainda não conhecia essa série. Fiquei bastante curiosas, mas saber que o inicio é bem lendo me deixou desanimada. Gosto de livros que nos conquistam logo no começo.
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  18. Sempre tive vontade de ler essa trilogia! Além das capas maravilhosas a história parece ser muito legal!
    Adorei sua resenha! Tinha me esquecido dessa trilogia e agora que lembrei preciso começar a ler pra ontem!

    <3


    #Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  19. Oi Gabs, sua linda, tudo bem?
    Gente a ideia do governo foi tão perfeita para os interesses deles, que me deu medo. Como ela vai conseguir sobreviver sem que a descubram? Como ela vai conseguir tirar esse dispositivo? Será que é possível? E o que aconteceu com Ben? Fiquei curiosa e louca para ler. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Gosto de distopias, adoro viajar para realidades paralelas e incríveis. Mas como você, prefiro com mais ação, acredito que os próximos da série, tenham muito mais disso.

    ResponderExcluir
  21. Olá,

    Quando as distopias estavam no hype, eu adicionei essa trilogia a minha wishlist, mas aí o tempo passou e meio que esqueci. Por incrível que pareça, eu não tinha lido nenhuma resenha de fato. E fiquei ainda mais intrigada com essa história, espero lê-la em breve.
    P.s: nunca acho capa com rostos bonitas, mas por algum motivo gostei dessas 🤗

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Olá, ainda não tinha lido nenhum resenha dessa série, achei bem bacana...gosto de distopias, mas confesso que estou um pouco saturada do gênero, acho que terei que esperar para conferir essa. Mas já vou anotar a dica.

    Abraços

    ResponderExcluir
  23. Olá, Gabis!

    Estou com esses livros na lista há tempos, mas essa foi a primeira resenha que li sobre o início dessa história! Também sou a louca das distopias, e concordo que é um gênero que pede ação e um ritmo mais frenético! Será que os próximo livros têm um ritmo diferente?

    Beijo

    www.leitorasinquietas.com.br

    ResponderExcluir
  24. Olá! uma trilogia de ficção, super curtir! Faz tempo que não leio distopias e preciso renovar isso, achei sinistro você ter a memória apagada completamente, vou dar uma chance para essa trilogia.

    ResponderExcluir
  25. Distopia só tenho 3 livros na estante a uns 3 anos e ainda não li. Não é um gênero que gosto muito, prefiro romances, dramas e policiais. Acho essas capas lindas, mas não se se o leria, tem continuações e não me senti muito apegada ao enredo tanto assim.Apesar de ter ficado curiosa com essa coisa de se reiniciar, ter a memória limpa e depois voltar tudo com força total.Como esconder isso se tem uma "pulseira" monitorando os sentimentos né. Torcendo para que o segundo seja melhor e você se encante mais.

    bjs

    ResponderExcluir
  26. Oi, Gabis!

    Uma distopia? Já amei! Sem contar que as capas são extremamente lindas, com certeza já estão na minha lista! ;)

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Olá, tudo bem?
    Cara... eu amo o mundo distópico e tenho o primeiro e o segundo livro dessa trilogia. Confesso que depois de ler a sua resenha, que por sinal adorei, vou mexer na minha lista de leituras futuras e adiantar ele.
    Adoro as capas. <3

    Parabéns pela resenha.
    Abraços

    http://www.viciadosemleitura.blog.br/

    ResponderExcluir
  28. Ola Gabis, tudo bem?

    Eu sou apaixonada por distopias, conhecia essa mas não me lembro de ter lido nenhuma resenha sobre ela...
    O fato de ela não ter muita alçao acho que é justamnete por ser o primeiro de uma trilogia. Mas a sua resenha me chamou atenção e eu fiquei curiosa com esse romance ai... o leria com certeza.
    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir