Resenha: A chama dentro de nós

escrito por - quarta-feira, maio 03, 2017


Como bem sabem este não foi meu primeiro contato com a escrita da autora, aqui no Brasil já li todos os publicados dela, e cada um amei imensamente, uns mais outros nem tanto. "A chama dentro de nós" faz parte da Série Os quatro elementos. O primeiro intitulado como "O ar que ele respira" me deixou completamente sem ar. Bom, nem preciso dizer que minhas expectativas com segundo volume estavam nas alturas não é mesmo?! Preciso ressaltar também antes que a pergunta seja feita: esse livro não tem ligação alguma com o primeiro, cada livro tem seu início, meio e fim. OU seja, se você não tem TOC como eu tenho, ou não quer seguir a ordem pode ler esse livro sem preocupações com o anterior.




Título: A Chama Dentro de Nós
Autor(a): Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Páginas: 350
Ano de Publicação: 2017
Gênero:Romance
Nota: 4/5
Sinopse: Logan Silverstone e Alyssa Walters não têm nada em comum. Ele passa os dias contando centavos para pagar o aluguel, sofrendo com a rejeição dos pais e tentando encontrar um rumo para sua vida caótica. Ela, por outro lado, parece ter um futuro brilhante pela frente. Um dia, porém, um simples gesto dá origem a uma improvável amizade. Ao longo dos anos, o sentimento que os une se transforma em algo até então desconhecido para os dois. Alyssa e Logan não conseguem resistir à atração que sempre sentiram um pelo outro e finalmente descobrem o amor. Mas uma tragédia promete separá-los para sempre. Ou pelo menos é isso que eles pensam. Seriam as reviravoltas do destino e as feridas do coração capazes de apagar para sempre a chama que há dentro deles

Neste livro vamos conhecer Logan e Alyssa pessoas totalmente opostas, uma é uma tagarela de plantão, outro é um observador que detesta ficar falando sem necessidade. Dois adolescentes que tem muito que aprender, mas que ao mesmo tempo já sabem muito sobre a vida. Com traumas, com medos, inseguranças, tudo que uma pessoa na casa dos 17 pode ter.  Porém Brittainy gosta de sempre colocar aquela carga de problemas que você para e pensa de onde essa mulher tira tanta inspiração.

Alyssa vem de uma família rica, pai músico que abandonou toda sua família para seguir sua tão almejada carreira, uma irmã que sempre que possível está a seu lado, sempre tentando guiar e ser a voz da razão quando necessário e uma mãe... uma mãe que eu quis matar por várias vezes ao longo a leitura, ou pelo menos encher ela de porrada, uma mulher que não se importa com nada a não ser as aparências, uma mulher fria que não é capaz de uma demonstração de amor, carinho, preocupação, nada. Ela é uma verdadeira controladora que acha que todos têm que se submeter a ela e ninguém pode à contrariar, principalmente Alyssa.
"Para aqueles que têm uma chama dentro de si, que se esforçam por um futuro melhor. Para aqueles que precisam saber que seus erros do passado não os definem. Este livro é para você."
Logan já é um tanto mais complicado, filho de um traficante de drogas e de uma usuária acabou se rendendo as drogas em diversas vezes em sua vida. Apesar de ter raiva por acaba usando esse recurso não conseguia sempre segura a onda. Sempre que pensava em seu futuro não via absolutamente nada a não ser um futuro exatamente como o de sua mãe. Porém, ao conhecer Alyssa com toda sua energia ele sempre tentava fazer de tudo para agradar e alegrar ela, e visse versa. E que um futuro pode ser mudado sempre, basta a gente querer e se esforçar para isso.

Uma amizade que foi construída aos poucos e que acabou se tornando um amor que naquele momento era difícil se ver um futuro, era difícil ver como poderia dar certo. Mas tudo pode mudar em questão de minutos não é mesmo? Seja por uma atitude, uma mentira, um mal-entendido, uma teimosia absurda de não saber escutar quando é chamado. E foi justamente o que aconteceu. A autora nos mostrou que nem tudo é como a gente acha que tem que ser, que nem sempre as coisas acontecem da maneira e na hora que queremos, que a trajetória pode ser muito penosa e nem sempre os finais felizes existem. 


Nada vem sem lutarmos, nada é dado de bandeja isso é fato. Mas neste livro eu acho que a querida Brittainy deixou a desejar um pouco. Ela soube fazer um crescimento de personagem, ela soube como sempre fazer uma escrita fluida, colocou toda a emoção que ela é capaz de fazer, mas para mim ainda faltou algo. Eu me conectei? Sim. Mas se for comparar com os outros dois livros dela eu não fiquei tão destruída como queria.
"Descobri que um lar não é um lugar específico, mas a sensação que temos quando estamos com as pessoas que são importante para nós, um sentimento de paz que apaga os incêndios da alma."
Mas se é uma leitura obrigatória para quem diz ser fã da autora? LÓGICO que sim. Apesar de ter achado mais fraco nosso casal principal ainda é um livro que você tira várias lições de vida, e isso é muito importante, pelo menos para mim, e merece ser lido e absorvido. Posso falar que mesmo este não tendo me capturado tanto quanto seu anterior, eu mal vejo a hora de poder conferir o seu terceiro volume. Afinal, meu amor por tudo dessa autora continua a todo vapor.

Você vai gostar de ler...

10 comentários

  1. Que bom que você gostou da leitura! Eu já li algumas resenhas sobre esse livro que não foram tão positivas assim. Talvez, algum dia, eu dê uma chance.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  2. Gostei do post e do livro, parece ser bem emocionante, nunca li um livro que o personagem principal tivesse problemas com drogas. Fiquei curiosa. bjos

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente ainda não comecei a ler esta série, mas desde o primeiro volume estou de olho neles. Uma história que tem em seu enredo temas polêmicos como drogas e abuso doméstico. Só espero gostar mais que você.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem? Confesso que já conhecia o livro por nome, e fotos nas redes sociais, porém nunca parei para ler sobre e não é que a sua resenha me deixou com vontade de realizar a leitura?! Adorei! Até adicionei na minha lista de desejos.

    Beijos,
    www.paginasincriveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não conhecia a autora e nem suas obras.
    Este livro não me atraiu nem pouco, mesmo com esse temas sobre violência doméstica etc.
    Parabéns pela resenha e vou procurar saber mais sobre essa autora que vc tanto gosta rsss

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? Essas opiniões, divididas no geral, sobre A Chama Dentro de Nós está me deixando bem ansiosa HAHA O Ar Que Ele Respira foi meu livro do ano em romance em 2015. Então pode perceber as expectativas que tenho para esse. Espero não me frustrar, mas como você mesmo disse, fã da Brittainy, com certeza tenho que realizar a leitura. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    A escrita pretende ser bem agradável, não é mesmo? Muita gente comenta a respeito, mas eu de certo modo acabo me afastando um pouco deste gênero, espero mudar ainda este ano, porque algumas coisas na sua resenha me chamaram total atenção, como os assuntos abordados durante a trama, sem contar que os personagens aparentam ser super construídos. Irei anotar essa dica ;)

    Beijos,
    http://www.justificou.tk/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu li uma resenha do terceiro livro dessa série hoje e me apaixonei. Essa autora traz histórias bem fortes a cada livro. Fiquei de coração apertado pelos dois, nenhum deles tinha amor em sua família e ele sofria bastante e passava por situações em que eu quis colocar ele no colo. Estou louca para ler a série, sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu ainda não li nem o primeiro volume dessa série, mas vi tanta gente falando bem que estou morrendo de vontade. Que pena que você achou que a autora deixou um pouco a desejar nesse, mas ainda imagino que deve ser uma ótima obra!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Essa é a segunda vez que vejo uma resenha como a sua, que comenta o quanto o livro é emocionante e tudo o mais porém que faltou alguma coisa. Isso me deixou um pouquinho preocupada pois no anterior dessa série eu já senti que faltou alguma coisa a mais - se bem que minhas expectativas estavam acima do teto, então também pode ser isso...
    Mesmo assim, estou curiosa e quero muito ler o livro. O bom é que ele já está na fila esperando eu chegar nele :)
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir