a luz entre oceanos

Resenha: A Luz Entre Oceanos

09:00


Título: A Luz Entre Oceanos
Autora: M.L Stedman
Editora: Rocco
Páginas:368
Ano de Lançamento: 2013
Gênero: Romance/Drama
Nota: 5/5
*Livro cedido pela editora para resenha*Sinopse: Romance de estreia da australiana M. L. Stedman, A luz entre oceanos alcançou as principais listas dos mais vendidos do mundo, incluindo o cobiçado ranking do The New York Times, onde permaneceu por mais de quatro meses. Escrito por uma advogada que aborda os limites da ética e os dilemas morais sob diferentes pontos de vista, o romance conta a história de Tom Sherbourne, faroleiro de uma ilha isolada na costa oeste da Austrália, e sua mulher, Isabel. Impedidos de ter filhos, a vida do casal sofre uma reviravolta quando um barco à deriva aporta na ilha. Publicado em 25 países, A luz entre oceanos é um livro emocionante sobre perdas trágicas e escolhas difíceis, sobre a maternidade e os limites do amor.

 Olá pessoalzinho lindo do meu coração, tinha dado uma paradinha no quesito romance, mas não sei se felizmente ou  infelizmente tive que ler esse livro que é o que eu estava fugindo que e o Romance e me surpreendi demais pois eu simplesmente amei o livro e assim que terminei ele quis voltar para ler todo novamente, ainda sinto o gosto da água salgada da Austrália, esse livro realmente me tocou de várias maneiras, vamos lá falar sobre ele.

Tom é um soldado que acabou de voltar da trincheiras da primeira guerra mundial e a única coisa que ele quer no momento é sossegar em uma cidadezinha calma e tentar esquecer os horrores que viveu na guerra, então ele aceita um emprego como faroleiro numa ilha isolada que só podia voltar a terra firme a cada um ano e meio, mas o que ele mais precisava era ficar solitário, então o emprego caiu como uma luva para ele.
– Então, você escreve a todos os faroleiros que vão para Janus? – Tom perguntou. – A todos! Mas não há muitos – respondeu Isabel. – Você é o primeiro novo em anos. Tom hesitou antes de fazer a pergunta seguinte. 
Só que assim que ele chega a pequena cidade para pegar o barco para a ilha de Junos, ele conhece Isabel, ou Izzie para os íntimos, e Izzie começa a se comunicar por cartas com Tom e toda vez que ele vai a terra firme eles se conhecem um pouco mais e se apaixonam, mas a distância os impede de ficar junto e  o único jeito de isso acontecer é eles dois se casando pois somente a esposa do faroleiro é permitida de ficar na ilha, e assim é feito.

O romance de Tom e Izzie são as mil maravilhas, mas o maior desejo de Izzie é ter um filho, quem sabe vários, mas parece que não é isso que o destino reservou para ela, pois ela passou por 3 abortos, porém quando já estavam perdendo a esperança de ter um filho, um pequeno barco com um homem morto aparece na costa da ilha e dentro dele tem um bebê, então eles decidem que é melhor ficar com o bebê já que seu pai está morto, então eles enterram o corpo do homem e criam o bebê como seu, Lucy, ou Lulu do Farol KKK.


 Ao passar dos anos Tom descobre que a verdadeira mãe de Lucy está viva e a procura de sua filha apesar de ela estar 4 anos desaparecida e ele começa a ficar com a consciência pesada de ter separado uma mãe de sua filha mas mantém segredo por amor a sua mulher que já sofreu demais com a perda de 3 crianças, ela não poderia perder Lucy também. Mas não é assim fácil que as coisas são não é mesmo? Reviravoltas acontecem e só lendo para saber o que irá acontecer com essa família.
– Desculpe, Lulu. Não quis assustá-la – ele disse, envergonhado de sua reação. Tentando esconder seu horror, ele afastou-se apressadamente. – Ali não é um bom lugar para sentar, querida. 
Gente, a tempos eu não me emocionava ou me identificava com o livro desse jeito, não que eu tenha achado um bebê no mar mas o desejo de Izzie de ser mãe é tão forte e tão parecido com o meu que eu simplesmente tomei todas as dores dela para mim, o livro não é focado no romance dos dois por muitas páginas e foi isso que eu mais gostei, fui na expectativa de ser um romance água com açúcar de pessoas fazendo amor em um farol mas fui felizmente surpreendida, o livro trata de honra, amor maternal e paternal, da sinceridade e a diferença entre o certo e errado e a fina linha tênue entre eles dois, confesso que me segurei muito para chorar, mas assim que vi o trailer do filme virei uma cabrita desmamada.


A escrita da autora é poética, é fluida e ao mesmo tempo que a história é pesada , ela tem um toque doce e leve trazido por Lucy, ela é realmente uma das personagens infantis mais fofas e determinadas que eu já vi, tem mais maturidade até do que alguns adultos que eu conheço, além do livro ser isso tudo ele tem mais um ponto que eu adoro que é a ambientação em um país desconhecido para mim até pouco tempo que é a Austrália, não que eu não soubesse da existência dele mas o livro traz curiosidades fascinantes sobre as paisagens, faunas e floras do país e eu li o livro pesquisando sobre os lugares e aprendendo sobre tudo e foi uma delicia de ler, quero muito que vocês leiam esse livro pois ele é maravilhoso de um jeito que eu não sei explicar, espero que tenha conseguido através da resenha mostrar o quanto ele foi especial para mim, agora deixa eu calar a boca senão essa resenha nunca irá acabar.



Beijos






Você vai gostar de ler também...

43 comentários

  1. Adoro histórias assim que deixam nosso psicológico agitado, digamos assim.
    Foi para a lista de desejados, até porque amei essa capa, as duas.
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Amei sua resenha, é tão bom quando a gente se identifica com o livro, eu faço parte daquele raro grupo de mulheres que não nasceram para ser mães, mas respeito muito quem nasceu para isso. Também adoro pesquisar lugares citados em livros, e esse me conquistou especialmente nesse quesito.
    Dica anotada o/
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Amo histórias assim ♥ E concordo que realmente é difícil encontrar livros com ambientações na Austrália. Nâo conhecia esse livro e fiquei bem curiosa para fazer a leitura. Dica anotada, com certeza!

    Raissa Nantes

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Eu também dei um tempo de romances e outros gêneros, mas de vez em quando eu me deparo com algo assim. É tão bom ler um livro tocante né? Vou anotar a dica, fiquei curioso!! Ótima resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabis!
    Eu vi o trailer do filme e cheguei a ver o livro na news da editora, mas ele não me chamou atenção por ser tratar de drama. Ultimamente não estou no clima. Mas que bom que você gostou da leitura. Com essa cara, não esperaria que ele fosse menos que emotivo.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi,tudo bom?

    Essa história já me emocionou só de ler sua resenha, imagina quando eu ler o livro. Amei !! Já está na minha lista de compras.

    Beijos:*
    treslivrolatras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oiii Gabis, tudo bem?
    Menina eu fiquei encantada com essa resenha e adoraria mesmo ter a oportunidade de realizar a leitura, parece ser emocionante, sendo que sendo drama já me cativa demais né! Parabéns pela resenha, dica super anotada.
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Oie
    não conhecia o livro ou o filme mas gostei do enredo, curto esse tipo de historias as vezes então to mega curiosa, bela resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Vai me matar de chorar? Já quero!!
    Eu fujo dos dramas mas eles me perseguem e depois não me controlo. kkkk
    Ameeei a premissa da história! Preciso ler, tenho quase certeza que irei gostar e me emocionar muito. Dica anotadísima!

    ResponderExcluir
  10. Oi,
    Estou igual a você fugindo de romances. Mas que bom que este te surpreendeu e ele não ficou no lenga lenga de casal. Adorei a ideia de trazer a tona o amor maternal, e a vontade de construir uma família.

    ResponderExcluir
  11. Oie!!
    Menina eu sou completamente apaixonada por romances e esse livro que eu não conhecia até o momento me tocou apenas pela sua resenha.
    Tenho certeza que se eu ler, vou chorar horrores haha
    Parabens pela resenha está simplesmente demais.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  12. Olá linda,

    Eu realmente esperava um belo romance daqueles bem amorzinhos e tu vem com essa de drama com muita emoção e já fiquei com o coração apertado para ler essa obra e saber mais sobre o casal e o futuro da baby.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Adorei a premissa da história, parece ser muito emocionante e tocante, realmente fiquei com vontade ler!! Ótima resenha!!

    ResponderExcluir
  14. Olá
    Recentemente, também fiz essa leitura e fiquei apaixonada pelo enredo, que é muuito bem trabalhado e emocionante. Adorei poder conferir suas considerações e ter me identificado tanto com o texto. também acabei tomando as dores dela sabe.. e isso me surpreendeu muito, é um livro tão tocante que chega a ser dificil demais falar sobre.. Mas vale muito a pena ler!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  15. Meu emocional já ficou abalado só de ler a sinopse, imagine o que a leitura desse livro iria fazer comigo.
    Talvez seja apenas os hormônios da gravidez, mas me senti envolvida com o enredo da obra e quero conhecer o livro em breve. Mas como tem um filme, talvez priorize assistir ao filme antes.

    Uma Mãe Leitora

    ResponderExcluir
  16. Olá
    Li esse livro tem um tempinho e sua resenha me fez relembrar da história. Linda, e mexe mesmo conosco.
    Fiquei interessada em ver o filme que vai sair baseado nele.
    Ótima resenha
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Não sei embaixo de que pedra eu me escondi, mas nunca tinha ouvido falar do livro e nem do filme. Que bacana que você se identificou com a leitura e foi ótima. Fiquei bem curiosa!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Gabis lindona como mãe já amei a premissa e sua ótima resenha destacando pontos altos da história já me deixaram curiosa para esse livro, imagino os dilemas que ambas mãe irão viver e quero saber como será o final. Dica mais que anotada. beijos

    Joyce
    wwww.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  19. Tb sou uma cabrita desmamada hahahaha. Adorei sua resenha! Conhecia pelo trailer, não sabia muito do livro, então foi legal ler sua opinião. Fiquei com vontade de ler pra poder ver o filme.
    Bjk

    ResponderExcluir
  20. Hello! Tudo bem?
    NOssa, que historia mais dolorosa.
    EU nao sei se leria o livro A Luz Entre Oceanos, acho que iria ver logo o filme nesse caso.
    Gosto de dramas e esse ja vi que vou sentir aquele sofrimento todo.
    Otimo post.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  21. oie, que lindo esse livro, eu não o li mas por essa premissa que você nos apresentou confesso que fiquei extremamente intrigada e morrendo de vontade de ler. adorei saber que foi um livro que te surpreendeu e que não foca totalmente no romance dos protagonista mas também nessas questões como a maternidade, isso sempre traz um algo especial para a obra. vou subi-lo para prioridade na fila de leitura.

    ResponderExcluir
  22. Nossa, esse parece ser um livro muito intenso.
    Gosto demais de leituras assim, que nos surpreende a cada página, que mostram sentimentos reais que podem acontecer com qualquer pessoa. Pois ninguém pode descartar o fato de encontrar um bebê, não num barco, mas em vários outros lugares, e quantos não iriam se apegar de cara, talvez poucos. Eu não iria entregar o bebê, mesmo sendo mãe de três acho que iria sentir que a criança em foi enviada ou algo assim. Olha só, mesmo sem ler o livro sua resenha já em fez imaginar mil coisas e situações. Vou ler o livro e como não sabia do filme agradeço por falar dele, vou procurar pra assistir.
    Obrigada, adorei a dica.
    Beijos!
    Viviane

    ResponderExcluir
  23. Olá Gabis!
    Eu não conhecia esse livro e já me interessei muito! Só não sei se vou esperar para ler o livro antes de assistir o filme, pois fiquei muito curiosa.
    Gosto de dramas e histórias que abordam temas delicados e ainda apresentam personagens reais que são suscetíveis à erros e acertos. É mais real e isso faz com que nos identifiquemos com os personagens que foi o seu caso em relação à Izzie.

    Gostei bastante da sua resenha ^^
    Parabéns e obrigada pela dica ;)

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Não conhecia o livro, mas ele me pareceu bem interessante. É mesmo bom quando a ambientação da obra é em um lugar desconhecido e assim podemos aprender mais sobre o local. Nunca li nada que se passasse na Austrália, mas imagino que seja ótimo!
    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  25. Oi Gabis,
    Que história mais fascinante e emocionante. Imagino o quanto tenha se segurado para não chorar, eu não faria tanto esforço, esse livro me faria chorar fácil, fácil.
    Imagino o dilema dessa família, onde o certo é uma dor imensurável, fiquei bem curiosa em saber mais. Viu procurar assistir o filme, fiquei bem animada em saber da adaptação.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  26. Olá amore,
    Simplesmente encantadora sua resenha e a foto... parabéns pelo capricho!
    Já está na lista de desejos... para um futuro.

    Beijokas
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  27. Oi!

    Estou louca por esse livro. Tanta gente tem falado bem dele, falado que se emocionou, aiai. Adorei a sua resenha, as suas considerações, principalmente quando destacou que a autora tem uma escrita poética e fluida e mesmo abordando um "tema" pesado, conseguiu dar uma certa leveza. Eu cooooooom certeza vou conferir essa história!

    beijos =)

    ResponderExcluir
  28. Olá Gabis.
    Eu já ouvi falar deste livro muito antes dele vim para o Brasil e quando eu fiquei sabendo do filme eu quis mais ainda ler o livro. Não sei se emocionalmente eu vou conseguir pois sei que vai ser um baque no core, mas ainda pretendo ler ele antes do filme.
    Sua resenha me deixou mais curiosa ainda para ler o livro, adorei as frases que você colocou no decorrer da resenha, me deixando com um gostinho de quero mais.
    Bjsssss

    ResponderExcluir
  29. Pela sua resenha deu para ver que o livro mexeu contigo mesmo. É bom quando uma leitura faz isso com a gente né? Eu nem sabia sobre o livro ou filme, mas já é a segunda resenha que eu leio e estou cada vez mais emocionada pela trama, muito linda! Que bom saber que mesmo com o drama é uma leitura leve. Quero muito conferir!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  30. Oie...
    Eu estou de olho grande nesse livro, mas, ultimamente não estou podendo comprar livros... Infelizmente é a crise alterando a minha vida :(
    Acho a temática desse livro muito interessante e pretendo com certeza ler um dia .
    Beijos

    ResponderExcluir
  31. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas deixaste-me curioso, devo confessar!! :) Enfim... Espero ler em breve!!

    Que bom que a protagonista te cativou tanto pela sua maturidade e que conheceste as paisagens e curiosidades desse pais para ti "desconhecido" que e a Austrália! :) Eu também não sei muito sobre ela...

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  32. Olá, esse livro não é muito conhecido aqui no Brasil, ou será apenas eu que não conhecia ainda? Pela sua resenha me pareceu ser um livro incrível. E com uma história em sim, belíssima...

    ResponderExcluir
  33. não conhecia a história, mas deve ser um romance carregado de emoção... não curto o gênero mas a premissa dele me atraiu, a ambientação dele também... vou anotar a sugestão, se tiver chance, lerei...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  34. Olá!
    Só estou vendo resenhas positivas desse livro. Fiquei muito curiosa em ler porque adoro um romance, além desse parecer ter um toque de mistério, que me chamou muito a atenção. Adorei a dica!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  35. Oi Gabis, tudo bem??? Confesso que quando comecei a ler pensei que se tratasse de mais um romance pós guerra cliché mas acabei envolvida pela tua resenha e pela história de drama da personagem (mais a Izzie do que o Tom) que tenta mas não consegue ter um filho. Fico aqui imaginando como essa história vai terminar mal pra alguém, seja pra mãe da criança ou pra Izzie, ai meu coração! Mas quero ver o filmeeeee!!! Bjossss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. Oi, Gabis

    Eu sabia que conhecia esse título de algum lugar...é do trailer do filme! hahaha
    O trailer já é lindo, então eu fico aqui imaginando o livro, deve ser realmente super emocionante.
    Eu não sei do lado de quem eu ficaria, não sei se posso julgar a atitude de Izzie, afinal, ela não sabia. Mas e essa mãe que pensou ter perdido a filha?
    Nossa, que difícil! Já vou colocar ele aqui no Skoob para não esquecer o título novamente!

    Beijos

    ResponderExcluir
  37. Olá Gabis,
    Ai, esse é o tipo de livro que adoro ler.
    É tão legal como algumas histórias conseguem ser pesadas e leves. Gostei de saber que o romance entre o Tom e a Izzie são as mil maravilhas, mas fiquei intrigada com seu sonho e o que o destino parece ter reservado para ela.
    Acho que esse livro emocionará demais e isso me agradou.
    Dica anotadíssima.
    Beijos

    ResponderExcluir
  38. Olá!
    Que história mais emocionante. Entendo o dúvida de Tom, ele não quer magoar a mulher, mas sabe que está errado em separar a mãe da menina. Como consertar as coisas sem magoar ninguém.
    Fiquei super curiosa para saber como a história termina e quem realmente vai ficar com a criança.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  39. Olá!
    Uma das melhores sensações de quando terminamos de ler um livro é ficar com essa vontade de ler ele todo de novo e repetir a dose, tem vezes que até eu não resisto e releio no mesmo momento. Fiquei interessada na proposta, e eu tenho uma coisa com farol que só a capa já me prendeu. Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  40. Olá!

    Ai caramba, essa resenha ficou incrível. Parabéns!!
    Imagine você que eu já esperaba que esse livro fosse interessante, mas acho que superou minha taxa de curiosidade. O enredo está lindo e eu mal posso esperar para conferir se perto toda essa situação criada pela autora.
    Obrigada pela dica.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
  41. Oi, tudo bem?
    Nossa, que sinopse e pelo jeito, que história igualmente tensa! Imagina adotar uma criança encontrada em um barco com um homem morto e anos depois saber que a mãe biológica procura a filha e aí as coisas começam a desandar? Ainda mais em 1919, em que as coisas não eram nada simples e qualquer coisa era motivo para uma explosão.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  42. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, na verdade confesso que conheço poucos dessa editora. Bom, eu amo de paixão romances, então de cara fiquei animada, mais ainda histórias tocantes, que pela premissa é o caso desse. Imagino que seja tocante acompanhar todas as reviravoltas e fico com o coração apertado só de pensar que a criança pode ser separada de Tom e Izzie. Além disso, eu gostei bastante de saber que o foco não é o romance dos personagens, mas vários outros assuntos. Enfim, gostei bastante da sua resenha, por isso vou marcar a dica.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  43. Que livro encantador! Me amarrei, já quero ler esse livro e você ficou super empolgada com essa obra. Notei que é uma história bem fluída e ao mesmo tempo intensa. Já vou dar um jeito de arrumar esse livro pra ler.

    ResponderExcluir