Arqueiro

Resenha: Ligeiramente Escandalosos

09:00

Oi meus amores, tudo bem? 
Vamos conhecer mais um livro?

Titulo: Ligeiramente Escandalosos
Autor(a): Mary Balogh
Páginas: 288
Ano de Publicação: 2015
Gênero: Romance
Editora: Arqueiro
Nota: 5/5
Sinopse: Freyja Bedwyn é uma mulher diferente das outras damas da alta sociedade: impetuosa e decidida, ela preza a independência e a liberdade acima de qualquer coisa – até mesmo do amor.
Até que o destino lhe apresenta Joshua Moore, o marquês de Hallmare, um homem cheio de charme e mistério, dono de uma beleza estonteante e de uma reputação terrível. Quando ambos se encontram a caminho da pacata cidade de Bath, a química entre os dois é imediata.
Entre encontros e desencontros, conflitos e provocações, Joshua faz uma proposta inusitada: pede que Freyja finja ser sua noiva, para evitar que uma artimanha de sua tia o leve a se casar com a própria prima.
Para uma dupla que acha graça das convenções sociais, esta parece ser a oportunidade perfeita para se divertir. Mas a brincadeira acaba trazendo consequências inesperadas. Aos poucos, suas máscaras vão caindo e ambos se revelam pessoas bem diferentes do que aparentam.
Neste terceiro livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh se aprofunda ainda mais nos segredos e desejos dessa família incomum e extremamente sensual. (SKOOB)

Para quem acompanha o blog já viu a resenha dos dois primeiros livros da família Bedwyn, viu  que gostei bastante, apesar da escrita mais séria da autora. O que me conquista e a forma de colocar os fatos e o crescimento do personagem, mas se ainda não viu ou  não se lembra muito bem, não se preocupe, ao final desta resenha irei colocar o link dos dois primeiros livros.


Bom, este livro mostra a história da pessoa que mais queria ler antes do tão aguardado livro do Duque, este conta a história de Freyja, a irmã mais velha das mulheres, a que sempre desafia seus irmãos acima de tudo, e sempre, sempre tem o que deseja. E não me decepcionei viu.
"-Lady Freyja- comentou Joshua com suavidade -, sou quase levado a acreditar que está tentando me desprezar de forma deliberada.
-Lorde Hallmere - disse Freyja -, sou quase levada a acreditar que talvez tenha alguma inteligência."
Dona de um espírito livre não gosta de se ver presa as convenções da sociedade, com 25 anos já se considera uma bela solteirona é não pensa mais em casamento, tem suas próprias regras é não mede esforços, mas como todos tem um ponto fraco, que seria um grande amor não correspondido. Que até hoje a persegue é a deixa muito mal com tudo a sua volta. Tanto que já no final do segundo livro, "Ligeiramente Maliciosos" decide fazer uma viajem para o interior para justamente não encarar seu passado.

Justamente nesta viaje que sua vida pode dar um giro que nunca imaginou que ia acontecer, cruzando sua vida com um homem um tanto peculiar para ela, que consegue com poucas palavras ou as vezes só uma olhada deixa-la fora do sério, é isso a perturba constantemente, o fato e que o cavaleiro (se e que podemos chamar ele assim no inicio) em questão é o Marques de Hallmare, ou Joshua Moore, um libertino que ganhou seu titulo a pouco tempo é não pretende ficar quieto tão cedo, aprontando muito.
"Aquela farsa, pensou Freyja, deixara Joshua à vontade para flertar descaradamente com ela... e até mesmo ir além do flerte em alguns momentos."
Agora é o momento que paramos e pensamos: Duas Pessoas tão diferentes é ao mesmo tempo tão parecidas estão na mesma cidade frequentando o mesmo circulo social, é tendo que se socializar, o que vai acontecer? Bom não será eu que contarei, terá que ler. Rsrs

Foi uma leitura que entre uma corrida de cavalo escandalosa, uma tia completamente louca, uma proposta indecente, que é aceita de imediato, festas que não paravam de surgir, um Duque pra lá de desconfiado, muitas brigas é alfinetadas, um acusamento de assassinato, é a descoberta de um amor surpreendente foi maravilhosa, tanto que passei a madrugada em claro lendo ele, simplesmente não conseguia largar o livro é dormi, é não me arrependo em nada.


Me identifiquei muito com Freyja, com toda sua prepotência e seu ar arrogante o que demostrou no final era justamente uma pessoa que precisava ser vista, ser entendida, o que não acontecia, amada acima de tudo, que apesar da idade ainda tinha muito a amadurecer e compreender, e Joshua não ficava atrás, simplesmente se completavam, seu ar de libertino era maravilhoso de ser visto, afinal todo homem e libertino, basta saber com quem ser não e mesmo?
"As mãos dele seguraram os pulsos de Freyja quando ele ergueu a cabeça.
- Aceito a derrota com um beijo - disse o marquês, sorrindo. - E, ao mesmo tempo, protejo meu nariz da possibilidade de colidir com um punho."
Para mim como já disse no inicio foi o melhor de todos os três já publicados, é foi muito difícil vim aqui é expor, pois simplesmente não encontrava palavras, então optei por não explicar muito como sempre faço, mas sim falar o que senti com o livro, que me senti relaxada, leve, rindo muito desse casal doido, e me apaixonando cada vez mais pelo crescimento que ambos se empenhavam em ter.

Uma capa que tem absolutamente tudo a ver com a personagem foi amor a primeira vista, uma diagramação impecável, como sempre Arqueiro não deixou a desejar em absolutamente nada, uma revisão que nem preciso comentar de tão bem feita que está não e mesmo? O livro é simplesmente incrível, que só me despertou mais ainda a necessidade de ler o livro do Duque, mal vejo a hora deste sexto livro chegar nas livrarias.



Bom espero que tenham gostado, e entendam minha abordagem é preferencia de não me aprofundar na história, se não vou contar o livro todos, então melhor deixar quieto não e mesmo? rsrs Só leia gente, sei que vão adorar, que apesar de uma linguagem mais séria, é uma leitura fluida e gostosa, que depois que encontra o ritmo não para mais.

Ligeiramente Casados: Aqui
Ligeiramente Maliciosos: Aqui

Bom gente é isso, ate a próxima.
Beijinhos.








Você vai gostar de ler também...

13 comentários

  1. Adoro essa família <3
    Esse jeitão deles e a forma como amolecem com o decorrer de seus histórias é lindo demais. Ligeiramente Escandalosos foi o melhor até aqui, com toda a certeza, nunca gostei muito da Freyja nos outros livros e achei que o dela ia ser bem mais ou menos, mas me surpreendi... ri e me emocionei demais... mal vejo a hora de abril chegar e com ele o próximo irmão Bedwyn ♥

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Não li muitos romances de época ( só li 2 ), mas já foi mais do que suficiente para me apaixonar por esse tipo de narrativa ❤ . Sua resenha está ótimo e me fez ficar com muita vontade de ler essa série. :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oioi!
    Inda nao li nada dessa serie, mas amo romance de epoca, entao eu ja comprei os 2 primeiros livros hehe.
    Ainda quero ter o Ligeiramente Escandalosos e adorei conhecer mais sobre o livro aqui, ja vi que vou gostar bastante.
    Adorei o jeito de Freyja, vamos nos dar mto bem.
    Vou ler com certeza!
    Beijos!

    Livros e Sushi • Facebook InstagramTwitter

    ResponderExcluir
  4. Uau, parece uma história muito instigante.
    Eu já ouvi falar ( muito bem) desta série, mas ainda não tive a oportunidade de ler nenhum livro da autora.
    Sua resenha me deixou bem curiosa para saber mais desta familia que pelo visto tem muito mistério a ser revelado.
    Gostei das capas também, são bem bonitas e romances de época são minha paixão, com certeza eu vou gostar da leitura!

    www.detudopouco.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, que bom que gostou do livro. Já havia lido a resenha dos anteriores, acho que vou da uma chance a essa série. Ela esta parecendo ser boa. Já vi outros blogs elogiando.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Amei sua resenha, Kah, me deixou ainda mais curiosa. Eu ganhei os dois primeiros, mas ainda não consegui ler. Adorei o jeito da Freyja e já sei que vou ama-la também. Arqueiro sempre arrasando nos romances de época. <3
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, não conhecia o livro ou a autora, mas já achei a premissa do livro bem interessante. Não sabia que era uma série, mas já fiquei curiosa pelos os outros livros e depois vou olhar a resenha deles. Ultimamente, não estou lendo romances desse tipo, mas achei esse bem interessante e o fato de os dois fingirem serem noivos e depois algo a mais acontecer, já instigou a minha curiosidade.
    bjus
    http://recantoliterarioeversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Kah,
    Concordo que a escrita da autora é mais madura que as autoras que estamos acostumadas, mas é impossível não amar!!! Quando li esse livro fiquei encantada com a oportunidade rever um pouco de todos da família.
    Ahhh também estou mega ansiosa pelo livro do temido conde hahahaha
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Adoro essa series estilo da Bella Andre que vai contando a historia da familia inteira, rsrsrs to louca para começar essa, e sua resenha só me deixou com mas vontade. Com certeza vou adorar a Freyja. Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá!!

    Eu morro de vontade de começar a série!! Acho os títulos muito sedutores e as capas delicadas e objetivas, alias, tudo da Arqueiro né!
    Amei sua resenha, passou muito bem a alam do livro!!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  11. Olá

    Eu adoro essa série. Esse é o próximo que vou ler. Eu gosto bastante da Freyja, do jeito dela e estou curiosa por esse livro.
    Por enquanto meu favorito tinha sido o primeiro, mas como vc falou que esse foi o melhor de todos, agora que quero conferir mesmo.
    Gostei da resenha e me deixou com mais vontade de dar continuidade a série.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá,
    Em toda minha história acredito que só tenha lido um ou dois romances históricos, esses livros da série chamam muito a minha atenção, mas eles nunca são aqueles desejados. Toda a leveza, humor e romance dos históricos são essenciais para uma boa leitura.
    Espero ler um dia, boa resenha.

    ResponderExcluir
  13. Hello!
    Embora Ligeiramente escandalosos não seja de um gênero que eu goste, me pareceu interessante. Essa combinação entre a Freyja e o Joshua parece ser daquelas que pegam fogo hahaha (se fosse um livro com um pouco de comédia no meio, acho que ficaria ainda melhor =P)
    Bj

    ResponderExcluir